A execução do movimento faz toda a diferença!

Cce988654c77a24fce99c52f488f5ecc47dfdbbb

Ao iniciar o treinamento de musculação, com o objetivo de hipertrofia, a maioria das pessoas se preocupa apenas com as cargas, sem levar muito em consideração a eficiência dos movimentos. Assim, acabam negligenciando a execução, a técnica, a velocidade do movimento e os pequenos ajustes no corpo que, por menores que sejam, fazem toda a diferença.

Realizando os exercícios adequados para cada músculo, priorizando os pontos fracos e ajustando cada detalhe vamos, ao longo do tempo, moldando nosso físico.  Se nos preocupamos apenas com a carga, no entanto, fica impossível realizar esse trabalho, pois nem nos damos conta dos músculos que estão sendo menos solicitados durante cada movimento.

A percepção e o controle dos movimentos são fundamentais para se atingir o equilíbrio físico e os resultados desejados.

Procuramos treinar até a falha muscular, e atingir esse ponto é possível não só com aumento de cargas, mas também com outras variáveis como: ritmo de execução do movimento, amplitude, tempo de recuperação, entre outros.

Para se obter um corpo simétrico, é necessário realizar primeiramente uma avaliação estética, cuja principal função é detectar qual parte do físico está mais fraca. Por meio dessa avaliação estética, é que se inicia o planejamento de treino para o indivíduo avaliado.  Se ele tem, por exemplo, os ombros mais fracos que os braços, ou as costas mais fracas que o peito, isso é levado em consideração na elaboração de seu treino semanal, que deve ser sempre iniciado com o grupo muscular mais fraco. Assim, no caso em que se tem costas e ombros mais fracos, o treino da segunda-feira deve ser focado no treinamento desses grupos musculares.

Sabendo qual treino deve ser seguido, é hora de se preocupar com a execução perfeita de cada movimento, a fim de conseguir trabalhar de forma adequada o músculo que estiver sendo solicitado. Por exemplo, ao fazer uma série de supino, o indivíduo não deve apenas se preocupar com carga excessiva, pois ao executar o movimento acabará trabalhando Deltoide Anterior e Peitoral Maior por igual. Priorizando a execução do movimento, é que ele irá realmente sentir o trabalho cada vez maior no músculo solicitado.

Um treinamento eficaz requer, principalmente, consciência corporal para aprendermos a sentir quando a musculatura correta está sendo estimulada com a prática do exercício. Fique atento!

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *